28 setembro, 2006

Que tipo de brasileiro vai às urnas?

Caráter geral do brasileiro

  • Os brasileiros são entusiastas de um belo ideal, amigos da sua liberdade, e mal sofrem perder as regalias que uma vez adquiriram.
  • Obedientes ao justo, inimigos do arbitrário, suportam melhor o roubo que o vilipêndio; ignorantes por falta de instrução, mas cheios de talento por natureza; de imaginação brilhante, e por isso amigos de novidades que prometem perfeição e enobrecimento; generosos, mas com bazófia; capazes de grandes ações, contanto que não exijam atenção aturada, e não requeiram trabalho assíduo e monotônico; apaixonados do sexo por clima, vida e educação.
  • Empreendem muito, acabam pouco.
  • Sendo os atenienses da América, se não forem comprimidos e tiranizados pelo despotismo.
  • Avulsos, os brasileiros mostram altivez nas baixezas, amor-próprio nas bagatelas, e obstinação em puerilidades.
  • Congonhar, fumar e cavalhotar são as três felicidades dos paulistas de serra acima.
  • Falsidade e dissimulação fazem o caráter geral dos brasileiros - curiosos e inquietos, mas não ativos, nem aplicados.
  • No Brasil a natureza é amiga do homem; mas o homem é ingrato às meiguices da natureza; e todavia o homem vive aqui mais com a natureza do que com os outros homens.
  • No Brasil, a virtude, quando existe, é heróica, porque tem que lutar com a opinião, e o governo.
  • A maior corrupção se acha onde a maior pobreza está ao lado da maior riqueza.
________________

Os textos curtos que você acaba de ler foram escritos por José Bonifácio (o patriarca da Independência) no exílio, como anotações pessoais, entre 1823 e 1829.
Provavelmente não visavam à publicação. O título é do próprio autor. Versão conforme o livro "Projetos para o Brasil", da coleção "Retratos do Brasil", da Companhia das Letras, editado em 1998 e organizado por Míriam Dolhnikoff. Sob o subtítulo "Avulsos", estão incluídas outras anotações dispersas de JB sobre os brasileiros.

Nenhum comentário: