26 outubro, 2006

Arame e Pasta

A Ópera de Arame é algo de arrepiar. O link leva a uma foto achada na internet. Quando voltar a BH, postarei as minhas.
Estivemos lá, ontem. Trata-se de um teatro de armação de ferro, com paredes de vidro, suspenso sobre um lago, num anfiteatro de rocha e floresta. Entendeu?
Um passeio imperdível, não só pelo inusitado da construção, mas porque demonstra o valor dado às artes nesta Curitiba que ora visitamos.
Ao lado, um espaço natural, muito bem tratado, onde fica a "Pedreira", local de shows ao ar livre: rock, festivais de música, etc.
Mas hoje o Congresso está a pleno vapor e, até agora (17,30h), estou por conta de palestras, mesas redondas, etc. O tempo é curto.
À noite, já programamos um jantar no Bairro Santa Felicidade, reduto italiano que se caracteriza (provavelmente mais por interesses turísticos) pela sucessão quase infinita de restaurantes, trattorias, tarantellas e muita 'macarronada'. Tutti pasta!
Até à noite, no "Porta Romana"!
Salute!

Nenhum comentário: