04 janeiro, 2007

Tim-tim.... crash!


Nos tempos em que trabalhei no Hospital João XXIII, o Pronto Socorro daqui de Beagá, atendi muitos acidentados em estado de embriaguês.

Isso acontece até hoje, infelizmente em maior quantidade. Parece que as campanhas contra a associação de álcool + volante caem no vazio. Uma das situações mais comuns era o sujeito ali, todo quebrado, afirmar categoricamente que não bebera quase nada, que não fica tonto com bebida alguma, que é forte, etc.

Eis uma demonstração de alteração da consciência devida ao estado etílico.
No link abaixo, uma demonstração prática de como os índices de concentração de etanol, no sangue, podem interferir em nossa capacidade de coordenação motora:

Arraste a chave com o mouse até o buraco da fechadura e clique. Nas concentrações mais baixas é até fácil. Depois...
O teste do bebum.

Nenhum comentário: